testes de invasão

Como contratar um teste de invasão

Você já ouviu falar em teste de invasão? Na prática, ele é uma forma da empresa autoavaliar sua infraestrutura técnica. As companhias costumam recorrer a essa solução para garantir a segurança de seus sistemas colocando-os sob um risco controlado. Esses testes funcionam como tentativas das próprias empresas de encontrar vulnerabilidades em sua rede de proteção e assim averiguar se é possível um hacker acessar sua rede interna e causar danos.

Se esse tema parece interessante pra você, então saiba mais sobre ele na sequência, vendo como é possível contratar um teste de invasão da maneira certa.

Defina os objetivos do teste de invasão

O chamado pentest pode ser feito em função de uma série de fatores, sendo assim, quanto mais precisa for a ação da equipe responsável, melhor para a sua empresa.

O roteiro do teste deve estar alinhado com os objetivos específicos, uma vez que existem tipos diferentes de testes de invasão. Entre eles estão o teste interno, o teste externo e o teste de redes sem fio.

Caberá à equipe responsável pelos procedimentos compreender as demandas da empresa para em função disso executar o serviço de acordo com suas reais expectativas.

Avalie a experiência da prestadora de serviços

Atenção a quem se propõe a lidar com a segurança da sua empresa. Isso é fundamental para garantir que ela esteja segura e siga os procedimentos tipos como mais indicados.

É importante que os analistas responsáveis estejam bem treinados e que tenham o devido conhecimento a respeito desse tipo de procedimento para que os testes de invasão sejam realmente capazes de trazer benefícios para a empresa e não criar para ela riscos adicionais desnecessários.

O conjunto de habilidades e experiências é fundamental nesse sentido, uma vez que é o próprio sistema de segurança da empresa que está sendo enfrentado como se fosse uma ação externa.

Escolha uma abordagem de teste

Dependendo da abordagem escolhida, um tipo de ação específica será realizada. As abordagens podem ser do tipo WhiteBox, GreyBox e BlackBox, cada qual com suas características.

No caso da WhiteBox, o foco é maior no ambiente interno, com aplicações web sendo analisadas em busca de falhas de segurança, enquanto a GreyBox se concentra mais nas falhas de permissionamento, como o vazamento de informações, por exemplo, e a BlackBox procura se aproximar de situações reais, simulando ataques hackers. Neste caso, não há informação do cliente fornecida ao assistente, como geralmente acontece diante de casos de ataque externo.

Para escolher, considere o teste de invasão que pode trazer maiores benefícios para o seu negócio em especial, dadas as características próprias dos seus sistemas e os procedimentos de rotina.

Saiba o que analisar nos profissionais

Algumas informações podem ajudar você a fazer sua melhor escolha. Conhecer a quantidade de profissionais envolvidos no serviço e suas qualificações é um exemplo.

Além disso, avalie o tipo de assistência que você tem como oferecer na definição do escopo dos testes. Pergunte a respeito das modalidades que a empresa disponibiliza e procure saber com antecedência de que forma será feito o pentest, além do tempo necessário para sua conclusão. Converse a respeito dos relatórios, pois eles serão úteis para ajudar você a dar continuidade a uma melhora na segurança da sua empresa.

Enfim, fazer um teste de invasão é algo que permite a você sofisticar os sistemas de segurança da sua empresa. Quer saber como fazer isso da melhor maneira? Então saiba mais sobre a Nova8, entre em contato e confira nossos diferenciais.

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *