nova8 SCA

O que é SCA – Software Composition Analysis?

Veja o que é Software Composition Analysis (SCA), qual seu papel dentro das equipes de desenvolvimento e os requisitos para escolher a melhor ferramenta.

Atualmente existe uma importante demanda no mercado: a necessidade de criar aplicativos e sistemas confiáveis ​​mais rápido do que nunca. Para conseguir isso, os desenvolvedores dependem de estratégias para acelerar seu trabalho, e o uso do código-fonte aberto para adicionar funcionalidades rapidamente ao seu software proprietário é uma prática cada vez mais comum. É por isso que hoje as ferramentas de SCA ou Software Composition Analysis são tão importantes.

Com o código-fonte aberto representando um percentual considerável das bases de código de aplicações proprietárias, fazer o gerenciamento deste tipo de componente se tornou um ponto crítico de atenção para reduzir os riscos de segurança em qualquer organização. Nesse caso, as ferramentas de Análise de Composição de Software ajudam e muito a gerenciar este uso de código aberto.

Entendendo esse cenário, você vai conhecer agora o que é de fato a Software Composition Analysis, qual o seu papel dentro das equipes de desenvolvimento e quais são os requisitos necessários para que você consiga escolher a melhor ferramenta possível.

Definição do SCA – Software Composition Analysis

Podemos definir o Software Composition Analysis (SCA), que pode ser traduzido como Análise de Composição de Software, como uma prática de desenvolvimento que se utiliza de ferramentas de teste de segurança para lidar com o gerenciamento do uso de componentes de software aberto – o ‘open source’.

As ferramentas SCA trabalham da seguinte forma: elas executam varreduras automatizadas na base de código de uma aplicação, incluindo elementos como contêineres e registros, para identificar todos os componentes de código aberto, analisando seus dados de conformidade de licenças e qualquer tipo de vulnerabilidade de segurança que tenha sido reportada no mercado.

Além de fornecer visibilidade do uso de código aberto, algumas ferramentas SCA também ajudam a corrigir vulnerabilidades por meio da parametrização, priorização e correção automática.

Como o uso de código aberto cresceu muito nos últimos anos para abranger a maioria das etapas de criação de software, atualmente já vemos esta necessidade de automatizar o processo de gerenciamento de código aberto.

Em resumo, as ferramentas SCA transformam o que é desconhecido em conhecido, colocando em prática os processos de automação corretos para buscar, encontrar e remediar os riscos de segurança de código aberto e os problemas de conformidade com suas licenças.

Os 3 requisitos básicos do SCA

De acordo com o Report Forrester SCA Wave 2019, as empresas que estão buscando ferramentas SCA devem procurar fornecedores que:

  • podem orientar os desenvolvedores sobre como remediar as vulnerabilidades;
  • ajudam na criação de políticas consistentes para toda a organização;
  • possibilitam a implantação de relatórios de alto nível para profissionais de segurança, descrevendo os riscos existentes para o negócio.

Além disso, aqui temos os 3 principais requisitos adicionais que são necessários para garantir que sua ferramenta de SCA faça tudo que sua organização precisa:

1. Suporte a diferentes linguagens de programação

Uma solução de Software Composition Analysis deve suportar não apenas as linguagens que você está usando atualmente, mas qualquer outra que tenha importância no mercado e que você possa considerar útil nos próximos anos, que permita seu time manter os processos de gerenciamento de vulnerabilidade e conformidade de licenças sem grandes mudanças e transtornos.

Acredite, você não gostaria de implementar uma solução SCA apenas para descobrir que ela não suporta a linguagem do seu projeto mais recente. Então planeje com antecedência e escolha uma solução com amplo suporte.

2. Banco de dados atualizado

O banco de dados é o coração de qualquer solução SCA. Quanto mais abrangente e atual for o banco de dados, agregando informações de várias fontes, melhor será a identificação de problemas com código aberto. Este ponto pode representar um nível de serviço adequado ou não para o seu caso, tornando seus sistemas mais prontamente seguros.

Como não há uma fonte centralizada de informações na internet sobre atualizações ou patches, você vai precisar confiar no banco de dados da sua solução para salvaguardar sua segurança.

3. Integrações

As ferramentas de Análise de Composição de Software devem se integrar perfeitamente com repositórios e ferramentas de construção, gerenciadores de pacotes e servidores, com o objetivo de fornecer aos desenvolvedores dados acionáveis ​​o mais cedo possível.

As melhores ferramentas SCA são capazes de oferecer suporte de produção para todo o ciclo de vida de desenvolvimento de sistemas, desde a pré-seleção até a fase pós-implantação.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre os requisitos para o Software Composition Analysis, veja mais detalhes sobre isso conhecendo a solução que a Nova8 recomenda, veja aqui!

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *